Skip directly to content

Dicas & Curiosidades

Nem sempre temos uma ideia exata da função deste equipamento, que tanto nos aborrece quando não funciona corretamente. A seguir vamos saber para que serve, como funciona, e como devemos trata-la.

A bateria é um acumulador recarregável de energia. Sua função é armazenar energia sob a forma química, que será transformada em energia elétrica quando o veículo solicitar.

Ela serve para dar partida no veículo, proporcionar energia para iluminação externa e interna e manter os sistemas elétricos eletrônicos ativos quando o veículo estiver desligado.

Uma bateria automotiva de 12 V é formada por 6 elementos constituídos por placas positivas, negativas, separadores e eletrólito.

 
O que voce deve saber sobre sua bateria

 
MANTENHA OS PÓLOS LIMPOS.

Evite deixar as luzes acesas, ou o rádio funcionando com o motor desligado, pois pode descarregar a bateria.

Ao instalar equipamentos que necessitem de muita energia, como rádio mais potente ou ar-condicionado, redimensione o sistema elétrico de maneira que ele suporte o aumento de energia.

baterias automotivas heliar menor

 
QUANTO TEMPO DURA UMA BATERIA?

A vida média de uma bateria chumbo-ácido automotiva é de 2 anos.
Porém, isso depende muito de fatores externos, tais como:

– sistema de carga do veículo (corrente, tensão);

– temperatura do compartimento onde a bateria está instalada;

– fixação adequada;

– bateria adequada ao veículo e os opcionais istalados.

 
O QUE FAZER ANTES DE TROCAR A BATERIA?

Para conservar sua bateria, recomendamos que antes de instalar a mesma você cheque cuidadosamente a parte elétrica de seu veículo (regulador de voltagem, alternador/gerador, motor de arranque e fuga de corrente), além do nível da água.

Revise a sua bateria e todo sistema elétrico a cada 3 meses.

 
O QUE É A SOBRECARGA NA BATERIA?

A sobrecarga na bateria é o excesso de corrente elétrica enviada para a bateria, causada através de carga excessiva após o estado de plena carga.

O QUE A SOBRECARGA PODE FAZER PARA A BATERIA?

– Corrosão das grades positivas e gasificação excessiva, fazendo com que o material das placas, principalmente das positivas, desagregue.

– Depósito acelerado do material das placas no fundo do vaso, na forma de uma lama fina marrom.

– Aumento da temperatura da bateria, podendo destruir tanto as placas quanto os separadores.
Os separadores queimados apresentam cor marrom escura ou preta.

– Abaulamento das placas.

A desnecessária perda de água devido ao processo de gaseificação diminui a vida útil da bateria.

 
Como entender as informações elétricas de uma bateria?
 
CAPACIDADE NOMINAL (C20):

É a capacidade de descarga, em ampères-hora, que uma bateria totalmente carregada manterá, a 27ºC e durante 20 horas, sem que a voltagem entre os pólos caia abaixo de 10,5 volts.

O valor da capacidade é dado pelo produto do valor da corrente de descarga aplicada (1/20 de C20), pelo tempo em horas, até a bateria atingir a voltagem de 10,5 volts.

Exemplo: Resultado de teste realizado com uma Bateria de 60 Ah.

A corrente de descarga aplicada (1/20 de C20) = 3 A

Tempo de descarga obtido = 20 horas

Portanto: capacidade = 3 A x 20 h = 60 Ah

C.C.A (COLD CRANKING AMPÈRES) – CORRENTE DE PARTIDA A FRIO:

A principal função da bateria é fornecer energia elétrica ao motor de arranque quando o motor do veículo é acionado.
Para tanto, é necessária uma grande descarga em ampères durante a partida.

Esta função pode ser comprovada através do “Teste de Descarga a Frio”, que mede a descarga em ampères que uma bateria totalmente carregada manterá durante 30 segundos a – 18ºC, sem que a voltagem entre os pólos caia abaixo de 7,2 volts.

C.A (CRANKING AMPÈRES) – CORRENTE DE PARTIDA:

Mede a descarga em ampères que uma bateria totalmente carregada manterá durante 30 segundos a 25ºC, sem que a voltagem entre os pólos caia abaixo de 7,2 volts.

 
RESERVA DE CAPACIDADE (RC):

É o tempo em minutos que uma bateria totalmente carregada fornecerá energia para ignição, iluminação e acessórios, se o sistema de recarga falhar.

A corrente de descarga para este teste é de 25 ampères a 27ºC, até a voltagem entre os pólos atingir 10,5 volts.
 

POLARIDADE:

É a localização direita (D) ou esquerda (E) do pólo positivo.